sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Os 10 piores Serial Killers da história - Dr. Jack Kevorkian.

                                          4º  -   Jack Kevorkian - Dr. Morte.




    Era o "Doutor Morte" nos EUA, Nasceu em Pontiac, Michigan em 26 de Maio de 1928. "Dr. Death" se tornou conhecido por lutar a favor do suicídio assistido, vendo isto como direito de todos. Criou a "Máquina de suicídio", com a qual ajudou mais de 130 doentes terminais a dar um fim em seus sofrimentos.
   De certa forma não dá para considerá-lo um serial killer, afinal, as vítimas o procuravam para que com a tal máquina de suicídio, conseguissem descansar em paz. A Suicidal Machine liberava um série de drogas no corpo fazendo o "cliente" morrer sem dor e devagar. O paciente que inaugurou a S.M foi a Sra. Janet Adkins, ela tinha 54 anos e sofria do Mal de Alzheimer. Logo após isso, um juiz de Michigan indiciou Kervorkian.
   Em 1999, Kevorkian enfrentou acusações de homicídio em vez de suicídio assistido. No julgamento ele insistiu em se defender pessoalmente, dispensando o advogado que o tinha defendido em casos anteriores. Kevorkian ficou sem argumentos depois que o juiz decidiu que o irmão e a viúva de Thomas Youk, um de seus  pacientes, não serviam como testemunha.
   Jack Kevorkian foi condenado a simples 25 anos de prisão. Ganhou liberdade condicional em 2007 por causa de sua idade avançada.
   A história de Kevorkian foi ao cinema em 2005 e Al Pacino fez o papel do Dr. Morte. O nome do filme é "You don't know Jack", "Dr. Morte", aqui no Brasil.
   Jack confessa ter ajudado 130 pessoas a praticr suicídio, mas insiste em dizer que não matou niguém diretamente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário